quarta-feira, 13 de agosto de 2014

As sete dores e alegrias de São José e breve consagração.


Dor: ao ver Maria com sinais de ter concebido.
Alegria: ao ouvir a explicação do Anjo.

Pai Nosso, 
Ave Maria,
Glória.


Dor: ao não encontrar em Belém mais asilo do que um estábulo.
Alegria: ao ver a Jesus nascido.

Pai Nosso,
Ave Maria,
Glória.


Dor: ao ver que se derramava o Sangue do Salvador na circuncisão.
Alegria: pela imposição do Nome de Jesus.

Pai Nosso,
Ave Maria,
Glória.


Dor: pela profecia de S. Simeão.
Alegria: pelos louvores do mesmo, e de Santa Ana.

Pai Nosso,
Ave Maria,
Glória.


Dor: pela perseguição de Herodes.
Alegria: ao ver cair os ídolos do Egipto.

Pai Nosso, 
Ave Maria,
Glória.


Dor: ao inteirar-se que Arquelau reinava na Judeia.
Alegria: por achar-se seguro em Nazaré.

Pai Nosso,
Ave Maria,
Glória.


Dor: por ter perdido a Jesus.
Alegria: por encontrá-Lo de novo.

Pai Nosso,
Ave Maria,
Glória.


Breve consagração a São José:

Santíssimo Patriarca São José, pelo afeto que vos uniu à Virgem Imaculada, pelo amor paternal que professastes ao Menino Jesus, dignai-vos velar sobre a nossa existência até ao último suspiro. Amén.

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Parabéns, Teresa! Sabe porquê? Porque é a primeira pessoa a colocar um comentário neste, ainda pequeno, blog. E, já agora, sabia que Santa Teresa foi a grande devota de São José? Parece até ser que foi de propósito que São José escolheu uma Teresa para ser a primeira a comentar num blog a ele dedicado.
      Seja sempre bem-vinda aqui.

      Isabel Gomes

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...